O Que é Ayurveda?

A Ayurveda significa a ciência (Veda) da longevidade (Ayur), que se utiliza da harmonia para alcançar a felicidade. Também pode ser considerada como a ciência que traz a verdade para a vida, sendo também o sistema terapêutico mais antigo do mundo que se mantém atualizado por se basear em textos sagrados, concebidos por meio da expansão de consciência.

A saúde é caracterizada como uma sensação de bem-estar físico, mental e social, desenvolvendo no ser a capacidade para enfrentar as dificuldades e os obstáculos presentes na experiência humana. Para que exista saúde, é necessária a harmonia ou sintonia dos cinco elementos que atuam sobre o ser:

  1.      Éter                        2.      Ar                        3.      Água                       4.      Fogo                        5.      Terra

Para compreender a visão ayurvédica de saúde é necessário entender como funcionam os cinco elementos (Mahabhutas):

São formados inicialmente a partir de uma forma sutil até a mais densa. O ÉTER (Akasha) transforma em ar a décima parte da sua estrutura, mantendo o restante inalterado. Essa décima parte é mantida como uma constante de transformação para todos os níveis do processo, conservando o restante em seu estado original, inalterado. O AR (Vayu), através do atrito, transforma-se em fogo. O FOGO (Tejas), pela fusão, transforma-se em água. A ÁGUA (Jala), por meio da densificação, transforma-se em Terra (Prithivi), contendo em seu âmago o conceito da vida.

E todo o nosso universo é formado pelos cinco elementos, inclusive no corpo humano, onde existe a morada de cada um.

Atuação nos órgãos de sentidos

Éter

Audição / Ouvido

Ar

Tato / Pele

Fogo

Visão / Olhos

Água

Paladar /Língua

Terra

Olfato / Nariz

Sede dos Mahabhutas no corpo

MAHABHUTAS

ATUAÇÃO

ÉTER

Sistema nervoso e cérebro (mente e sentidos).

AR

Sistema circulatório e respiratório (coração, pulmões, braços).

FOGO

Sistema digestivo (abdome).

ÁGUA

Controla a reprodução, o metabolismo e a eliminação da água.

TERRA

Promove e governa a estabilidade física.

 

Os Doshas

 

 

Os três Doshas – VATA, PITTA e KAPHA – se desenvolveram a partir dos cinco elementos. E, cada corpo possui um elemento dominante que determina o caráter bioenergético do seu ser.

O equilíbrio dos três Doshas assegura que todas as atividades psicossomáticas no corpo funcionem perfeitamente. Isso representa a saúde ayurvédica.

Vata é uma combinação dos elementos éter e ar. Pitta possui os elementos fogo e água. E Kapha é uma combinação dos elementos água e terra.

Você descobre seu dosha analisando as características dos elementos dominantes no seu corpo. Para isso existem alguns questionários que na consulta ayurvédica, você responde.

Veja com qual dosha você se identifica:

VATA

Como esse dosha é formado por éter e ar, a pessoa Vata costuma ter a mente aérea, com difícil concentração. Pele e cabelos secos, baixo peso corporal e estrutura óssea leve. Tipo entusiasmado, rápido na ação e tende a ser esquecido. Às vezes, fala muito. Criativo, principalmente no campo das artes. Gosta de esoterismo, consegue detectar poderes de clarividência ou cura nela mesma e vive num estilo de vida ascético. Por natureza, é tímida e sensível. É possível que mude de emprego com frequência.

Em desequilíbrio pode ter: reumatismo, distúrbios nervosos, ciática, insônia, pele seca, constipação, ossos fracos, cólicas, flatulência, gagueira, zunido nos ouvidos, anorexia, acessos de tremor, pouca circulação sanguínea, entre todas as doenças que tratem de movimento no corpo.

PITTA

O elemento dominante é o fogo. Graças ao seu bom metabolismo e a ânsia de atividade física, ele tem um corpo saudável com músculos bem desenvolvidos. Essa pessoa sempre está alerta. É ambiciosa e costuma ser bem sucedido na vida. Sua criatividade é metódica, inventiva e normalmente está ligada a assuntos técnicos ou científicos. É boa oradora e vende bem a si mesma e a seus produtos. Sua agressividade pode transformar-se em hostilidade e impaciência. Seus cabelos clareiam mais cedo do que o dos outros tipos, e há certa tendência a calvície. Gostam e precisam se alimentar regularmente. Suas capacidades mentais são boas, tem memória excelente e gosta de atividades intelectuais.

Em desequilíbrio pode ter: pressão alta; úlceras de estômago; azia; infecção urinária; psoríase; hepatite; tumores; câncer de estômago, intestino e pele; inflamação do sistema linfático; doenças infecciosas; menstruação intensa e doenças semelhantes.

KAPHA

Por ser formada de terra e água, a compleição é pesada e sólida. Elas têm força e resistência. Embora não se apressem no trabalho, são seguras e autoconfiantes. Às vezes são letárgicas. Gostam de deixar que os outros trabalhem para elas, o que normalmente fazem bem, porque tem um senso de iniciativa excelente. Seu lado positivo é a confiança, a paciência, a cortesia e a generosidade, são aquelas pessoas “fofas”. Seu lado negativo é o materialismo exarcebado, a ganância, a passividade e certa tendência a dormir muito e com muita frequência.

Em desequilíbrio tendem a ficar acima do peso, a ter falta de apetite, a ter um sistema digestivo fraco, a ter circulação insuficiente, a vomitar, a contrair gripes e resfriados, a bronquite, a asma, a pedra nos rins, aos nódulos linfáticos, aos tumores benignos, as infecções causadas por fungos e as doenças semelhantes.